6 dicas de decoração contemporânea

A preferência pelo mais moderno é uma realidade bem visível, quer seja na tecnologia, na moda, na arquitectura, na gastronomia, como também na decoração. No que diz respeito a esta última opção, é muito comum quem pretende construir casas de raiz pensar logo numa decoração bem contemporânea, até porque a própria construção já é, por norma, bem moderna. Contudo, saibam que este tipo de decoração é muito versátil e adaptável a qualquer tipo de ambiente. Há até quem mescle o moderno com o mais tradicional e em casas tipicamente rurais! ☺

Querem saber como?

Portanto, se gostariam de decorar o vosso espaço com um toque contemporâneo, alegrem-se, porque é muito mais fácil do que parece e existem várias opções disponíveis, das quais destaco estas 6 dicas de decoração contemporânea:

  • Estilo minimalista 

Uma decoração moderna é muito minimalista, ou seja, exige poucos acessórios, poucos quadros nas paredes e apenas o mobiliário essencial. É uma decoração muito simples, muito “clean”, que dá sempre uma ideia de espaços amplos e limpos.

  • Ambientes práticos

Os ambientes de uma decoração contemporânea devem ser os mais simples e práticos possíveis, por exemplo, através de móveis e armários multi-funções, de forma a serem fáceis e rápidos de usar e de aceder. E numa vida tão agitada e atarefada como a nossa, não há nada melhor do que não andar a perder muito tempo com a execução das tarefas do dia-a-dia.

 

  • Cores brancas e pretas

As cores brancas e pretas, individuais e mescladas em padrões (geométricos e listrados), predominam nesta decoração, o que a torna bem simples, mas, ao mesmo tempo, muito elegante. O cinzento é outra cor muito escolhida para estes ambientes, assim como qualquer tom mais neutro. No entanto, caso gostem muito das cores fortes e chamativas, escolham duas ou três, no máximo, e coloquem-nas em pontos estratégicos, para conseguirem combinar com as restantes.

  • Acessórios decorativos imponentes

Esta é outra característica a reter. Apesar de serem em pequeno número, os acessórios decorativos devem ser imponentes e apresentar uma boa qualidade, de maneira a poderem marcar grande presença nas divisões onde estão inseridos. E não é muito difícil encontrá-los à venda, pois em qualquer centro comercial existem uma ou mais lojas da especialidade.

  • Mobiliário feito com diversos materiais

Existe também uma diversidade dos materiais no mobiliário, que é maioritariamente simples, baixo e com linhas muito rectas. Neste sentido, a aposta não deve ser feita apenas em móveis de madeira, mas também naqueles que combinem vários materiais, como a pedra, o aço, o vidro, o metal, etc.

  • Iluminação ampla e mais ecológica

Numa decoração contemporânea esqueçam os imensos candeeiros espalhados pela casa. Existem candeeiros, sim, mas poucos, sendo que estes também servem como objectos decorativos. Dá-se também primazia a lâmpadas LED (visto serem bem mais ecológicas e económicas), com reguladores de intensidade, colocadas preferencialmente nos tectos das divisões ou em locais específicos – onde haja realmente uma necessidade de luz (locais de leitura, por exemplo).

Deixo-vos também algumas sugestões que comprovam todas as ideias que acabei de mencionar. Espero que gostem tanto quanto eu e que vos despertem o bichinho da decoração contemporânea! ☺

  

imagem-2 imagem-1

imagem-3 imagem-4

imagem-5 imagem-6

imagem-7 imagem-8

imagem-9 imagem-10  

Fonte das imagens: Pinterest

Novo Vídeo: Favoritos Agosto e Setembro

Finalmenteeeee depois do final da Silly Season – que para mim foi o pico de ritmo de trabalho – regressamos aos vídeos no canal!! E nada melhor para este regresso do que um dos vossos posts preferidos: o Vídeo de Favoritos do mês, desta vez com os favoritos de Agosto e Setembro!

Roupa, maquilhagem, produtos random mas, sobretudo, muita coisa nova que tenho a certeza que vocês vão adorar e que também farão muita diferença no vosso dia-a-dia.

Espero que gostem, é um gosto enorme estar de volta 🙂

Viaja Comigo… Até Cabo Verde!

Há tanto para falar sobre Cabo Verde e, em particular sobre a Ilha do Sal…

A Ilha do Sal é sem dúvida um pedaço de céu: aqui existem paisagens paradisíacas, águas quentes e transparentes, um clima árido mas com um vento fresco e um céu que, quando se decide apresentar por detrás das nuvens, é de um azul imenso!

Se eu gostei? Não posso dizer, ao contrário do que eu esperava, que foi uma viagem de sonho, sobretudo devido ao (péssimo) hotel onde estive: o Óasis Belorizonte está super bem classificado no TripAdvisor mas, sinceramente, não comprovei nada do que se lê por lá, à excepção das fantásticas instalações. Comida, simpatia, organização e tudo o resto muito, muitoooo abaixo das expectativas.

E não me vou alongar muito nas críticas porque esse não é, de todo, o intuito deste post.

De resto, Cabo Verde é uma Ilha com praias lindíssimas, paisagens de cortar a respiração e um sol radioso que nos presenteia durante todo o ano.

Regressarei um dia, mas para outro hotel com toda a certeza 😀

Até lá, viaja comigo…. Até Cabo Verde! 🙂

“O” produto milagroso

Recentemente descobri um produto milagroso.

Faz bem na alimentação, no cabelo e até na pele.

Falo-vos do óleo de côco.

Hoje em dia já não sei viver sem esta maravilha.

Uso com desmaquilhante, como máscara de hidratação de cabelo, como máscara de noite no rosto, como adoçante no café,…

Enfim, deixo-vos um resumo de todos os benefícios deste produto milagroso 🙂

Alimentação

beneficios_oleo_coco_younique

Cabelo

Beneficios_Oleo_Coco_Cabelo_YOUnique

 

Pele

Beneficios_oleo_coco_pele_YOUnique

 

Resumindo…

oleo-de-coco_YOUnique

 

Espero que tenham gostado e que também se deixem contagiar por este produto milagroso.

 

Wishlist Agosto

Durante o Inverno trabalhei tanto que nem tive tempo para pensar em compras.

Mas agora, com algum tempo livre, já dei uma vista de olhos em algumas lojas online e garanto-vos que os próximos meses serão uma desgraça x’D

Aqui ficam alguns dos itens que tenho debaixo de olho:

Ananás La Redoute

Para colocar no meu toucador. Vai ficar lindooooo 🙂

Ananas_La_Redoute_YOUnique

Captura de ecrã 2016-07-30, às 11.53.06

Iphone 6s – Gold ou Rose Gold

Quando comprei o meu telemóvel, há 4 anos, senti que não precisava mais do que 8GB.

Hoje é impensável ter apenas esta memória.

Entretanto senti também que preciso de uma câmera melhor para fotos e/ou vídeo, sobretudo em trabalhos de maquilhagem ou apenas enquanto blogger.

Assim, está decidido: o escolhido é o Iphone 6S 64 GB.

A cor é que ainda é uma incógnita: Gold ou Rose Gold?!

Ajudem-me a escolher pf!! 🙂

Iphone_6S_YOUnique

 

 

MakeUp Case – Eurostil Maquillalia

Desde o início do ano que a quero, vocês sabem.

O problema é que está sempre esgotada! Se a virem disponível, na Maquillalia ou em outro sítio, pf avisem-me 🙂

Captura de ecrã 2016-07-30, às 12.03.31

Captura de ecrã 2016-07-30, às 12.03.39 Captura de ecrã 2016-07-30, às 12.03.47

 

Sweet Peach Palette – Too Faced

Uma das paletas de maquilhagem mais lindas de sempre!

Adoro, adoro, adoro!! Ansiosa para a comprar e para fazer review para vocês 🙂

Captura de ecrã 2016-07-30, às 12.08.32Sweet_Peach_Palette_YOUnique

 

Espero que tenham gostado deste tipo de posts porque farei isto mais vezes 🙂

Adoro partilhar estes itens com vocês ainda antes de os comprar para também saber a vossa opinião 🙂

Digam-me pf qual foi o vosso produto favorito e se já têm algum deles 🙂 beijinhos :*

 

10 Objectos para levar em vôos longos

  1. Auriculares

    Para mim são essenciais em qualquer altura mas principalmente em viagem tornam tudo muito mais relaxado e fazem com que o tempo passe muito mais rápido. Também é uma boa dica para quem, como eu, gosta de tirar umas sonecas sem ser incomodado pelo barulho à sua volta 🙂

 

  1. Máscara de olhos

    E por falar em dormir, se vão fazer um voo longo preparem-se para não conseguirem dormir com as constantes mudanças de luminosidade. Aconteceu-me num vôo para NY uma senhora querer ver as nuvens e abrir a “cortina” (como se chama aquilo?!) da janela para ver as nuvens. Foram 8 horas em que esperava dormir e recuperar o “jet lag” mas que, no fundo, se transformaram em puro sofrimento.

 

  1. Um lenço / cachecol

    O ar condicionado nos aviões pode ser incomodativo para quem tenta fazer a viagem aconchegado. Nada que um agasalho não resolva 🙂

Para além disso previne o frio caso no sítio onde aterramos esteja uma temperatura desconfortável.

 

  1. Um snack

    A fome é traiçoeira e muitas vezes damos por nós a comer coisas que nem gostamos pela falta de escolha: sim, um aeroporto ou um avião não são propriamente um restaurante x’D

Assim, sabemos que matamos a fome da melhor forma e quando nos apetecer.

 

  1. Uma muda de roupa

Esperar o melhor mas estar preparado para o pior!

A mala pode perder-se ou o voo atrasar. Não custa nada estar prevenida 🙂

 

  1. Um necessaire com o essencial

Para as mesmas situações mas também para escovar os dentes após as refeições, escovar o cabelo após uma turbulenta sesta, para aterrar em grande estilo 🙂   

 

  1. Toalhitas

    Se são como eu e detestam sentir as mãos transpiradas, ou gostam de as lavar depois de tocar em corrimões e puxadores de portas em locais públicos, então as toalhitas vão salvar-vos 🙂

Para além de que são óptimas para a transpiração ou simplesmente para retirar a maquilhagem caso necessitemos.

Um verdadeiro “canivete suíço” da beleza 🙂

 

  1. Água, muita água

    É sempre importante, mas principalmente nestas situações em que o corre-corre é maior.

 

  1. Eau de Beauté

Provavelmente o item que mais levo comigo, quer no dia-a-dia quer nas viagens, por mais curtas que sejam.

Hidrata-nos e deixa a nossa pele sublime 🙂 Para além daquela sensação de frescura incrível!

Adoro, adoro, adoro!!

 

  1. Um bom livro

Queixamo-nos que não temos tempo para ler mas, na verdade, quando temos não desfrutamos.

Para além de nos relaxar, entretem-nos nos tempos mortos. E o melhor de tudo? Enriquece-nos 🙂

 

Agora não têm desculpas para não fazer uma boa viagem 🙂

Beijinhos, e boas férias se for o caso :*

As Melhores Coisas da Vida não São Coisas #Verão

 

Esta era uma rubrica que já queria começar a fazer há muito tempo.

O título é sem dúvida das minhas afirmações favoritas: “As melhores coisas da vida não são coisas” 🙂

Apesar deste ser um blog de beleza e moda, acredito que os objectos são acessórios, vão-e-vêm, se não temos este temos o outro e, no fundo, a nossa vida continua a girar se não os tivermos.

Contudo, já não é assim com as pequenas coisas que não são coisas.

O sorriso do nosso afilhado ou o abraço da nossa mãe, por exemplo, são coisas que nos mantêm vivos, felizes, sem as quais não viveríamos ou, na pior das hipóteses, morreríamos de saudades!

E é isto que eu quero partilhar convosco nesta rubrica:

Coisas que me apaixonam, que me fazem feliz.

Hoje será sobre Verão.

Mas quero dar-lhe mil e um temas 🙂

Se tiverem ideias pf partilhem comigo nos comentários!

Então aqui vai

 

As Melhores Coisas da Vida não São Coisas #Verão

 

  1. Cheiro da Maresia
  2. Pés descalços na areia molhada
  3. Tomar banho de água gelada quando a pele está quente
  4. Comer melancia fresquinha
  5. Comer na praia 🙂 Não só bolas de berlim como qualquer outra coisa! A praia dá outro sabor à comida 🙂
  6. Sair do trabalho e ainda ser dia
  7. Ficar com a marca do biquíni
  8. Jantaradas tardias ao ar livre
  9. Sunsets à beira-mar
  10. Meter o braço de fora do carro, em andamento. E se não for a conduzir, são os pés 🙂

O que nunca vos contei sobre mim

Choro. Rio. Digo o que penso. Não vivo sem música. Gosto de ter o volume no máximo. Gosto de viajar. Quero dar a volta ao mundo. Quebro preconceitos. Não tenho tabus. Vivo no limite. Não sigo todas as regras. Gosto das coisas simples da vida. Nunca vou precisar do status que os outros procuram. Fico na praia até anoitecer. Gosto de viver através das sensações. Das melhores sensações que tenho é estar debaixo de água e ouvir o mundo através de sons imperceptíveis ou pisar relva molhada quando estou descalça. Amo natação. Sou viciada em fazer step. Adoro desporto. Sou teimosa. Orgulhosa. Detesto mentiras. Acordo de mau humor. Adoro dançar. Adoro sair à noite. Adoro esplanadas. Adoro escrever. Sou canhota. Leio sempre as revistas de trás para a frente. Sou viciada em café, pastilhas elásticas e… sal! Adoro Martini Rosso. E Licor Berão. E Limoncello! Sou apaixonada pelos meus amigos. Detesto pessoas complicadas. Odeio divas. Detesto discussões. Odeio intrigas. Não gosto de máscaras. Irritam-me os clichés. Não suporto a hipocrisia. Não gosto de ouvir as pessoas a falar alto. Fico sempre do lado dos mais fracos. Odeio gente que não se enxerga. Destrono sempre quem se acha mais que eu. Os imprevistos fascinam-me. Acredito no destino. Não tenho, nem coloco rótulos. Adoro surpresas. Gosto de rasgos de ousadia. Gestos de loucura. Sou ambiciosa. Tenho a cabeça cheia de sonhos e de planos para os realizar. Tenho garra. Audácia. Coragem e confiança. Quero viver pelo menos meio ano na Ásia, América e África. Quero visitar todos os continentes. Quero viajar sem destino. Adoro sentir-me uma estranha numa cidade. Adoro descodificar cidades e povos. Adoro ter mudado algo em mim, adoptando algum hábito, ou maneira de ser/ pensar de todos os sítios onde estive, porque toda a gente tem algo para nos ensinar e a isso chama-se humildade. Gosto de saltos altos. Adoro gladiadoras. Sou viciada em arte. Gosto de decoração. Adoro moda. Amo design. Acho que o mundo nunca será dos mais fortes mas dos loucos/ criativos. O meu jantar perfeito inclui pimentos padron e sangria tinta. Roma será sempre a minha casa. Nunca vou deixar de ser feliz porque aprendi que a vida é muito mais do que a “vidinha” medíocre que a sociedade nos embute. Vou olhar sempre para o horizonte e sonhar com mais. Acredito que, como um dia alguém disse: “tudo o que aprendemos nas nossas breves vidas não é mais do que uma ninharia insubstancial arrancada à enormidade do que nunca saberemos”.

Desabafo Feliz

Se tudo correr bem quando lerem isto já estarei em Cabo Verde.

Mas não viverei a felicidade deste momento, que vai para além desta viagem, sozinha!

Não, quero partilha-la convosco.

Hoje não começa apenas uma nova semana.

Começa praticamente um novo ciclo.

No final de 2015 estabeleci muitas metas para 2016. A maioria delas, por sinal, partilhei convosco 🙂

Sabia que não seria fácil.

Mas também sei que não cheguei onde cheguei na vida por acaso.

É preciso fazer o impossível para atingir o lugar onde os nossos sonhos moram.

É preciso andar por caminhos diferentes da multidão.

Caminhar pelos nossos próprios pés. Não ouvir as vozes que nos dizem que não vamos conseguir… mesmo que essas vozes venham da nossa própria cabeça.

Não seguir rebanhos.

Senão não saímos da “mesmice”. E assim fiz: o impossível.

Trabalhei todos os dias de 2016. TODOS.

Trabalhei todos os fins-de-semana. Todos os feriados. Trabalhei todos os dias úteis e tive quase sempre aulas depois desses longos dias.

Olhava para o relógio as 12h, já a meio do meu dia de trabalho e sabia que só chegaria a casa 12h depois.

Apeteceu-me desistir. Baixar os braços. Chorei muitas vezes. Tive muitos ataques de ansiedade, coisa que eu não sabia o que era e que vos falarei mais tarde. Fui abaixo muitas vezes mas levantei-me ainda mais vezes.

Isto para vos dizer o quê?

Os nossos sonhos e objectivos parecem-nos muitas vezes longínquos ou impossíveis.

Mas este período serviu-me para perceber que está tudo ao nosso alcance. Sem pressas nem pressões. Com calma e a maior perfeição possível. Viver um dia de cada vez, um passo de cada vez. Porque uma longa caminhada começa com o primeiro passo… e às vezes o primeiro passo é só acreditarmos 🙂

Eu consegui, vocês também conseguem. O que quer que seja: conseguem!

Sem atropelarem ninguém, sem pôr “o carro à frente dos bois”, sem se deixarem derrotar pelas lágrimas (que às vezes são tantas!!), sobretudo, sem se deixarem ficar no chão… no tapete!!!

Vamos à luta e vamos dar luta 🙂

 

Terminei assim em Julho muitos projectos e iniciarei outros tantos em Agosto, desta vez não tanto profissionais mas sim pessoais.

Sim, quero que o tempo que me estavam a ocupar outros projectos seja agora ocupado, em parte, por uma dedicação diária a este blog.. a vocês… a nós!

Obrigada por terem estado sempre desse lado.

Garanto-vos que não foi fácil ir mantendo tudo activo mas valeu tudo a pena em cada comentário, em cada demonstração do vosso carinho.

E sabem que mais? A partir de agora, tudo será mais fácil e mais divertido 🙂

Espero que estejam prontas!! 😀

Começamos como?

Com uma semana com posts diários no blog 🙂
Achavam que por eu estar do outro lado do mundo me esquecia de vocês?! Nem pensar! 🙂

Um beijinho gigante, até amanhã… e mais uma vez MUITO OBRIGADA por estarem sempre aí! 🙂

PS: A minha agenda, que tem todas as semanas uma frase amorosa cada semana e que por acaso acerta sempre nas palavras, tem esta semana uma frase muitoooo coincidente com tudo isto 🙂

“Leva os teus sonhos muito a sério”

Tutorial de Penteados para Cabelos Curtos

Este foi um dos vídeos mais pedidos por vocês quando cortei o cabelo:

Como arranjo o meu cabelo, quais os penteados e que produtos utilizo: está tudo aqui 🙂

Estas dicas não se aplicam apenas a cabelos curtos, mas também médios e compridos.

Tentei por isso fazer com que o vídeo ficasse o mais geral possível.

Espero que gostem e que aproveitem bem as dicas 🙂

Aqui fica então o tão esperado vídeo de Tutorial para Cabelos Curtos: